Até esquerdistas reconhecem que Huck no Faustão teve cheiro forte de campanha

0
1602

A melhor forma de identificar a validade de fatos constrangedores é pela observação do comportamento do oponente quando ele próprio reconhece coisas que normalmente esconderia.

É o caso do Catraca Livre – site que congrega ideais de esquerda e extrema esquerda -, que levantou vários tuítes de pessoas que consideram que a participação de Luciano Huck (e sua esposa Angélica) no programa de Faustão é uma campanha.

O site diz: “Ex-pré-candidato à Presidência, apontado como o possível ‘outsider’ da próxima eleição no Brasil, Luciano afirmou que desistiu da disputa neste ano. Há, porém, sinais de recuo, já que o apresentador pediu ao Ibope que o mantenha nas pesquisas de intenção de voto, de acordo com informações da coluna ‘Painel’, da ‘Folha’. No ‘Domingão do Faustão’, Angélica declarou que o país não pode se dividir num momento como o atual e que ‘o brasileiro merece um país melhor’. Luciano questionou quem tem coragem de ‘de fato’ se aproximar da política hoje no Brasil, afirmando ser este o único caminho para transformar o que há de errado com o país”.

Em seguida, vários tuítes são apresentados é – o que é mais curioso – sem nenhuma contestação por parte do Catraca Livre.

Veja:

É. Não dá mais para esconder que Luciano Huck é o candidato preferido da esquerda para 2018. E tudo que o programa do Faustão fez foi demonstrar apoio explícito a essa campanha.

Em tempo: os tuítes não são todos necessariamente de esquerdistas, mas demonstram uma percepção popular. O tom do texto do Catraca Livre não discorda desses tuítes.