Ministra dos Direitos Humanos é demitida e agora está livre da ‘escravidão’

0
1848

Luislinda Valois foi demitida do Ministério dos Direitos Humanos, informou o Globo. O motivo da demissão é que a pasta, em breve, será incorporada ao Ministério da Justiça. Quem assumiu interinamente foi Gustavo Rocha, Secretário de Assuntos Jurídicos.

O lado bom nisso tudo é que agora Luislinda pode se considerar alforriada. Ela, que reclamou do “trabalho escravo”, agora não é mais “forçada” a nada. Pode sair do Ministério livremente e arranjar um emprego como as pessoas comuns.

A boa notícia também é a eliminação do próprio ministério. Incorporá-lo ao Ministério da Justiça é uma bela forma de economizar dinheiro com uma pasta que, na prática, é irrelevante.