O PT segue no “vai e vem”: uma hora defende morosidade processual e noutra defende celeridade

0
178

Os petistas vinham até agora reclamando de uma suposta celeridade no processo contra Lula. Disseram eles, por exemplo, que o TRF-4 julgou “rápido demais” o recurso de Lula após a condenação de Moro, e que isso era por causa da perseguição, mesmo que tenha se passado meio ano entre um julgamento e outro.

No entanto, quando pediram para o STJ julgar o habeas corpus preventivo de Lula, exigiram rapidez. Ficaram até irritados quando o tribunal adiou para a última terça feira a decisão. Agora também pedem ao STF celeridade no julgamento da prisão após condenação em segunda instância.

Basicamente, querem que seja rápido aquilo que pode favorecê-los, mas pedem lentidão quando os convém.