Palocci deve estar furioso após descobrir, na prisão, que foi chutado por causa de Mantega. E essa é uma boa notícia.

0
1815

Antonio Palocci descobriu, na prisão, que sua demissão do governo Dilma foi causada por ninguém menos do que seu colega de partido, o ex-ministro Guido Mantega.

Na época, o motivo da demissão é que vazaram para a imprensa a lista de contatos do então ministro Palocci, que tem uma empresa de consultoria. Como ministro, ele estava usando o cargo para favorecer seus próprios clientes privados e obviamente a ele próprio.

Mantega foi quem vazou a informação, provavelmente tentando dar uma rasteira em seu colega para obter alguma vantagem interna. O problema, para os petistas, é que isso pode motivar ainda mais Palocci a delatar tudo o que sabe. Nada pode ser mais produtivo do que o sentimento de vingança.

Para nós, no entanto, a notícia é ótima.