PT resolve escrachar qualquer acordo e diz que “inauguração sem Doria é até melhor”

0
948

Diante do viaduto que leva o nome de Marisa – e cujo projeto foi sancionado pelo então prefeito em exercício, Milton Leite (DEM) -, o prefeito João Doria cancelou a inauguração mas, absurdamente, decidiu acatar a decisão. Em nota, citou “acordos” envolvendo o aceite de decisões da Câmara.

Com isso, João Doria inventou a tese absurda de que petistas respeitam acordos quando, na verdade, eles só entram em acordo com alguém se um juiz assim o exigir. E olhe lá.

Mesmo assim, Doria permaneceu irredutível. Enquanto isso, os petistas já mostraram pleno desrespeito ao prefeito, decidindo fazer uma inauguração extraoficial e xingá-lo pelas redes sociais. É nisso que dá acreditar em “acordos” com petistas.

E agora vem mais uma cacetada a partir do ex-presidente nacional do PT Rui Falcão, que disse: “Todo o apoio à inauguração popular do viaduto Dona Marisa Letícia. Sem o Doria é até melhor”.

O partido marcou para o próximo dia 15 de janeiro uma “inauguração extraoficial” do viaduto Dona Marisa Letícia, na Zona Sul de São Paulo.

Com essa terceira traulitada em dois dias, será que Doria entendeu que não existem “acordos” com petistas. A não ser que isso seja exigido pela via judicial. Bem, se Doria não vetar a homenagem à Marisa, é melhor esquecer e partir para outras vias, como um projeto de lei para mudar o nome do viaduto.