TST bate de frente com a mamata e diz que empregados de Correios devem pagar por plano

0
1143

De acordo com a Exame, o Tribunal Superior do Trabalho determinou que os empregados dos Correios deverão pagar a mensalidade para manter seus planos de saúde, assim como ocorre com a quase integralidade dos trabalhadores brasileiros que conseguem ter plano vinculado à empresa em que atuam.

O tema foi objeto de julgamento pela Seção de Dissídios Coletivos da corte, que aprovou a proposta do ministro relator, Aloysio Corrêa, por 6 votos a 1. A ação de dissídio coletivo havia sido ajuizada pela companhia ainda no ano passado, quando não houve acordo entre empregados e direção sobre a revisão do Postal Saúde no âmbito do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

A partir de agora a greve dos Correios perde sua base, uma vez que é considerada improcedente. Mas sabe-se que mesmo assim os sindicatos vão continuar com ela porque o objetivo nem é mesmo atender o interesse dos trabalhadores, e sim o interesse dos próprios sindicalistas.

Mais uma evidência da necessidade de privatizar a estatal que consegue dar prejuízos bilionários mesmo com uso de dinheiro público e cobrança a parte pelos serviços (mal) prestados.